Notícia

Conversando com flores

Conversando com flores

18 Abril 2019

Você já viu a nova iniciativa do Google? A iniciativa chama-se Google Tulip e foi apresentada no dia 1º de abril. Claro que essa data é suspeita porque, de fato, Google Tulip foi uma brilhante piada de 1º de abril. Se você não teve oportunidade de ver, veja o vídeo aqui aqui.

Qual é a ideia por trás de Google Tulip? Os cientistas teriam encontrado uma maneira de transformar a linguagem da mais famosa flor holandesa em fala humana. No vídeo, as pessoas se comunicam com tulipas. É muito engraçado quando finalmente o filme acaba no parque Keukenhof e as pessoas são confrontadas com uma cacofonia de “vozes de tulipas”. Vale a pena dar uma olhada.

Porque embora isso tenha sido uma piada, a ideia por trás do filme não é tão ruim assim. Imagine por um momento que suas plantas poderiam lhe dizer exatamente o que precisam e quando precisam. Isso tornaria o cultivo muito mais fácil.

A maioria dos produtores conhece suas colheitas e sabe quando suas plantas estão secas ou húmidas demais, se estão se sentindo bem ou se se sentem um pouco doentes. Um produtor sabe o que as suas plantas lhe querem dizer. Só que muitos sinais chegam tarde demais. Você gostaria de reconhecer esses sinais mais cedo para poder manter suas plantas sempre saudáveis. Essa é a linguagem das plantas que você gostaria de perceber!

A ErfGoed acredita que podemos melhorar ainda muito nessa área. Por exemplo, estamos trabalhando no desenvolvimento de sensores em nosso piso de cultivo, para poder determinar facilmente a necessidade de umidade das plantas. Isso é feito em combinação com um modelo de crescimento adaptado a essa cultura específica, que conhece o tamanho da planta e o número de centímetros quadrados de folhas que facilitam a evaporação. Isso depois é ligado à previsão meteorológica. Assim, em um dia quente com vento de leste, a planta terá de receber mais água do que em um dia nublado e sem vento. Um bom desenvolvimento, não? E isso não é piada de 1º de abril!

Se você tiver outras sugestões ou ideias, não hesite em nos contactar por telefone ou e-mail!

Hugo Paans
diretor-geral